Artigos por: Guilherme Scalzilli

Política - análise

Desenho de Angeli

Vamos falar de corrupção?

por Guilherme Scalzilli Incapaz de enfrentar comparações entre os governos petistas e seus antecessores, a direita procura deturpá-las com o estigma da corrupção. Numa apropriação muito sugestiva do slogan lulista, nasce a ladainha do “nunca antes houve tanta safadeza no país”. Afinal, as ilegalidades hoje repudiadas pela sociedade não apenas […]

por × 11/03/2016 × 0 comentários

Política - análise

Moro e o MPF comprovam a força de Lula

Moro e o MPF comprovam a força de Lula

por Guilherme Scalzilli Alguns comentaristas torceram narizes diante de minha avaliação sobre a vantagem de Lula na campanha de 2018. Talvez, com certa razão, achem cedo para tecer prognósticos, especialmente os favoráveis ao PT. Mas será tão difícil reconhecer que a perseguição a Lula reflete o poder propagandístico do seu legado administrativo? […]

por × 24/02/2016 × 0 comentários

Política - análise

Por que tanto esforço para incriminar Lula?

Por que tanto esforço para incriminar Lula?

por Guilherme Scalzilli A resposta simplificada: porque é, desde já, o candidato mais forte na eleição de 2018. Seus governos são imbatíveis comparativamente. Não há estatística do período 2003-2010 que perca para outra similar no recorte histórico disponível. Isso ocorre tanto para os índices abrangentes da macroeconomia quanto para minúcias […]

por × 04/02/2016 × 0 comentários

Política - análise

Avenida Paulista lotada de manifestantes contra o impeachment ontem

A mensagem das ruas

por Guilherme Scalzilli O êxito das manifestações antigolpistas faz contraponto inevitável com as minguantes passeatas da direita. A diferença é óbvia, tanto na quantidade quanto na pluralidade da adesão. O projeto do impeachment perdeu de vez o argumento da força representativa. Pouco importa a previsível manipulação do noticiário, em seu desespero infantil […]

por × 17/12/2015 × 0 comentários

Política - análise

A pauta do golpe

A pauta do golpe

por Guilherme Scalzilli A tese do impeachment perde adeptos a cada semana que passa. Nas cúpulas midiáticas, empresariais, partidárias, jurídicas e acadêmicas dissemina-se a visão de que a ideia não é apenas inviável, mas perigosa e inconsequente. Então o que explica a sua permanência nos debates cotidianos? Acontece que o prolongamento […]

por × 23/11/2015 × 0 comentários

Política - análise

A quem serve o Judiciário brasileiro?

A quem serve o Judiciário brasileiro?

por Guilherme Scalzilli Uma ação contra o deputado estadual Barros Munhoz (PSDB) prescreveu em abril, depois de três anos inativa no Tribunal de Justiça. Mesmo destino devem ter os processos do “mensalão tucano”, remetidos pelo Supremo Tribunal Federal à Justiça mineira. A peça contra Eduardo Azeredo, por exemplo, ainda aguarda distribuição. Graças […]

por × 10/11/2015 × 0 comentários

Política - análise

Por que só agora a Lava Jato chegou a Cunha?

Por que só agora a Lava Jato chegou a Cunha?

por Guilherme Scalzilli Os indícios de que Eduardo Cunha possui contas no exterior são conhecidos pela Justiça há meses. As investigações começaram já em abril na Suíça, e poderiam ter ocorrido antes, se as autoridades brasileiras tivessem reagido às primeiras suspeitas. Enquanto os réus da Lava Jato e seus familiares eram […]

por × 27/10/2015 × 0 comentários

Política - análise

Não parece golpe, mas é

Não parece golpe, mas é

por Guilherme Scalzilli A oposição espalha artigos e depoimentos pretensamente “esclarecidos” para reforçar a imagem democrática de um possível impeachment de Dilma Rousseff. Como estratégia militante, é simplória e previsível. Como exercício intelectual, resvala na desonestidade. Uma característica histórica da propaganda antidemocrática é a alegação da defesa de princípios constitucionais. Não por […]

por × 05/10/2015 × 0 comentários

Política

Os piores índices de todos os tempos da última semana

Os piores índices de todos os tempos da última semana

por Guilherme Scalzilli O catastrofismo do noticiário econômico chega às raias da comicidade. É uma fantasmagórica mistura de irrelevâncias, prognósticos tendenciosos e associações vazias que levam apenas à reiteração maníaca do colapso total e inquestionável. Como ninguém sabe muita coisa do assunto, e como economia não é ciência exata, a turma se […]

por × 09/09/2015 × 0 comentários